h1

Asterisco era o bode

novembro 7, 2012

No dia 1º deste mês, em postagem intitulada “O prejuízo da dúvida”, este blog apontou um forte indício de irregularidade cometida pelo Tribunal Regional Eleitoral, ao instalar Pontos de Transmissão de dados para o 2º turno das Eleições 2012, em Belém, sem prévia publicação, conforme determinação legal, impedindo a fiscalização por parte dos partidos e coligações, da OAB e do Ministério Público e, portanto, maculando a transparência da transmissão de dados.

A própria página oficial do Tribunal Regional Eleitoral confirmava as suspeitas de que os Pontos de Transmissão só foram publicizados após o 2º turno, uma vez que ao lado dos dois locais de votação onde os mesmos foram instalados (Escola Superior de Educação Física e Escola Estadual Visconde de Souza Franco) constava um asterisco, com a seguinte anotação: “* Publicado em 30/10/2012”.

Pois bem.

Eis que o Tribunal tomou uma rigorosa providência para apurar a denúncia publicada neste blog e repercutida no blog do deputado Parsifal Pontes: retirou o asterisco que havia sido colocado ao lado dos dois locais de votação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: